Speed King: Tracção Total, Rei em Velocidade!


Bem, caros leitores (:p) este fim de semana lá fui eu para a lama dar os passeios do costume sendo desta vez o local o circuito de XC da Batalha.

31012009203

Fomos apanhados de surpresa por isto!

Sábado

Pelas 15h eu e o Álvaro arrancamos lá na Batalha para umas voltas por ali e pelo Pinhal da Paz. Porém depois de 2 voltas à Batalha (penso eu) fomos até ao Pinhal da Paz e fomos apanhados de surpresa com o facto de este se encontrar fechado ao fim de semana (grande desilusão :(). Mas, não baixamos os braços e toca a ir para a batalha outra vez e ao chegar lá encontramos o “chefe de fila” Jorge Medeiros. Dois dedos de conversa para falar das novidades e lá arrancamos para mais umas voltas ao percurso e lá pelas 16h40 abandonamos a Batalha e seguiu cada um para suas casas.

01022009211Isto devia ser à chegada… mas foi à saida de casa! :p

Domingo

Levantei-me eu cheio de vontade para ir andar  e quando já tinha metade das coisas preparadas recebi uma mensagem a dizer que o tempo não estava muito bom e tal,  e um consequente adiamento da hora da possível largada para ver como as condições climatéricas evoluíam. Mas como eu já estava todo pronto resolvi ir com meu pai até à Avenida para “queimar” tempo enquanto alguns lutavam contra a tentação de ficar na cama ao calor! :p Lá na Avenida o João Arruda e o Sr. Brilhante e os seus dois filhos juntaram-se a mim e fomos então para o ponto de encontro: o Portão do Pinhal da Paz. Lá encontramos o Jorge e o Álvaro e lá fomos andar para um circuito alternativo da Batalha, consideravelmente mais longo que o habitual. Após 2 voltas por lá separa-mo-nos e seguiu cada um para o seu destino, aproveitando eu mais os meus colegas de destino :p para curtir mais uns pequenos trilhos pelo caminho.

img_0061Eles nas descidas só gritavam: “Larga os travões rapaz!!!!”

Speed King

Falando agora um pouco sobre estas maravilhas de borracha. Foram testados principalmente na zona da Batalha, estando o terreno bastante húmido e escorregadio.

Apesar das condições do terrenos estarem um pouco más, estes pneus não me deixaram ficar mal, pelo contrário, estes tipos têm cá uma tracção! Nunca usei uns pneus que me desafiassem como estes! Sinceramente, eu ali em cima da bike naquelas descidas e os tipos sempre agarrados ao solo como se tivessem cola.

Perante esta sensação de controlo total e um tipo estar ali a controlar a velocidade da bike travando, o que me passou pela minha mente várias vezes foi “Porque é que estou a travar? A bike não está descontrolada, estou com uma boa aderência! Acho que posso ir mais depressa!”. E lá fui eu cada vez recorrendo menos aos travões e descendo mais rápido. Tenho a sensação que nunca desci tão rápido!

Não posso aqui fazer uma comparação justa com os Nobby Nic, pois quando comecei a usar estes não estavam novos, no entanto ainda estavam em boas condições e durante todo o tempo que os utilizei acho que não me proporcionaram um nível de controlo semelhante a este.

 

Abraços,

 

Igor Furnas

Anúncios

~ por Igor Furnas em Fevereiro 1, 2009.

6 Respostas to “Speed King: Tracção Total, Rei em Velocidade!”

  1. os NN têm um comportamento tão eficiente como o explorer (pneu de trás)- o expl. tem um comportamento muito semelhante ao SK, no q toca a diferenças pergunta ao Jorge – e até rola melhor, absorve melhor os impactos e é bastante estável nas curvas, a subir agarra tão bem como o expl. Mas com lama perde em todos os níveis, mas n é uma dif significativa, é claro q n é aconselhavel pra descer a batalha num dia como hoje e qto mais lama pior. N experimentei á frente. Os NN têm um pneu prório para a lama q deve ser interessante. Outra coisa rapaa: essa tua balança precisa de ir ao ferreriro, o pneu n pesa assim tanto, mesmo novinho em folha n passou dos 460 grs

  2. Pah eu não tenho balança cá em casa :p. Também não tive oportunidade de pesar os nobby nic. Guiei me pelo site da Schwalbe que indica o peso de 495 grs para os Nobby Nic 2.1 Evolution. Está aqui a ligação directa para a tabela de informação no site da schwalbe (é grande :p) http://www.schwalbe.de/gbl/en/bicycle/mtb/produktgruppe/produkt/index.php5?flash=1&ID_Einsatzbereich=5&ID_Produktgruppe=41&ID_Produkt=176&ID_Artikel=1069&info=1&ID_Land=38&ID_Sprache=2&tn_mainPoint=Fahrrad&tn_subPoint=MTB

  3. Ei rapaa: numa altura destas do campenoato e ainda n tens balança? Tás desculpado, se calhar a minha também n é grande coisa, axo q marcou 420 nos explorer e 460 no NN Só pra terminar: a principal diferença entre os pneus é o preço prálém dos Exp serem mais versáteis. Boas pedaladas.

  4. Boas Igor, podes testar os pneus com pressões mais baixas e altas que vais sentir ainda mais diferença. Lama: pressão mais baixa no pneu amortecedores um pouco mais duros.

  5. Obrigada pela dica Melo! 🙂 Hei-de experimentar isso num próximo ride! Isto é sempre a aprender! 😀

  6. realmente a difrença de pressões pode levar a maiores diferenças de tempos. Mais vale acertar na pressão certa do q escolher o pneu certo c a pressão errada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: